Diferente de outros investimentos, o Tesouro Direto oferece versatilidade para o investidor. Nele, é possível poupar tanto para uma reserva emergencial quanto para a troca de um carro ou da casa e também para conquistar seu primeiro milhão.

O Tesouro Direto é um dos investimentos de menor risco dentre os de renda fixa, já que é uma dívida com o governo. É possível investir com apenas R$ 30, falo mais sobre o Tesouro Direto neste artigo aqui.

Veja quais são os títulos mais indicados para cada caso:

Sonhos de curto prazo

Sonhos de curto prazo são aqueles que se pretende realizar em até um ano. Alguns exemplos são reformar a casa, dar uma festa ou trocar de carro.

Nestes casos, o título mais indicado é o Tesouro Selic, justamente porque o valor pode ser resgatado a qualquer momento, sem que a pessoa perca parte do seu dinheiro. Por isso o Tesouro Selic é válido também para manter uma reserva financeira para imprevistos.

Sonhos de médio prazo

Sonhos de médio prazo são os que se pretende realizar entre um e dez anos. Trocar de casa, fazer uma grande viagem e financiar os estudos dos filhos são alguns exemplos.

Neste caso, é importante proteger o dinheiro da inflação, evitando a corrosão dos seus ganhos ao longo dos anos. Assim são mais indicados os título atrelados ao IPCA. Mas nada impende de distribuir os investimentos entre Tesouro IPCA e Selic.

Sonhos de longo prazo

Já os sonhos de longo prazo são conquistados após 10 anos de poupança e investimento. Sempre indico a independência financeira, ou seja, a aposentadoria sustentável. O sonho do primeiro milhão também pode se enquadrar aqui.

Neste caso, é válido diversificar os investimentos, tanto em títulos pré e pós-fixados, quanto aos atrelados ao IPCA e Selic. O mais importante é acompanhar e manter esses valores seguros, já que trarão tranquilidade financeira no futuro.  

 

Reinaldo Domingos está a frente do canal Dinheiro à Vista. É Doutor em Educação Financeira, presidente da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin – www.abefin.org.br) e da DSOP Educação Financeira (www.dsop.com.br). Autor de diversos livros sobre o tema, como o best-seller Terapia Financeira.

Respostas

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+